Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Coletivo

18
Mar19

Youtubers politizados, procura-se!

Flávio Gonçalves

Graças ao fenómeno dos youtubers do qual só me apercebi graças ao Nuno Markl (como boa parte das pessoas que conheço da minha geração), a verdade é que me viciei em alguns youtubers humorísticos e políticos em língua inglesa. Portugal ainda está na infância do fenómeno.

Nos EUA e no Reino Unido há uma legião de youtubers que como jornalistas e intelectuais independentes colmatam as falhas da comunicação social, em Portugal vemos adultos a contar piadas, a fazer disparates e a jogar jogos ao vivo para crianças e adolescentes... chega a ser deprimente.

No Brasil existem também vários youtubers jornalísticos e políticos, em Portugal recordo que o Paulo Querido e o Joao Vasco Almeida animaram também um canal, tal como a Joana Amaral Dias, ambos extintos... será um problema de dimensão?

Caso tenham algum interesse em iniciar-se no youtube politizado em língua portuguesa, sugiro o brasileiro Tese Onze, o arquivo é um verdadeiro tesouro, só lamento não ser diário.

1 comentário

Comentar post